Decorre em Luanda, de 26 a 29 de Novembro, na Sala de Conferências do Hotel Monalisa, em Talatona, a Reunião entre os Estados-Membros da SADC, sobre a implementação do projeto-piloto do UNIVISA.

A sessão de abertura foi presidida por S/Ex.ª Comissário de Migração Principal, João António da Costa Dias, Director Geral do Serviço de Migração e Estrangeiros, que ao tomar a palavra, começou por endereçar as boas-vindas aos presentes e de seguida enumerou as vantagens da implementação do Visto Único do Turismo na Região da SADC, nomeadamente a livre circulação de pessoas e bens, o fomento do turismo e do investimento privado nos Estados-Membros.

Após a intervenção do Presidente do Acto, tomou a palavra a Sr.ª Kealeboga Moruti, Oficial de Segurança Pública da SADC, que realçou a necessidade de aprimorar o instrumento jurídico que irá regular o UNIVISA e da criação de um ambiente seguro, que favoreça a livre circulação de pessoas e bens.

Por fim, o Dr. Afonso Evaristo, Director África Médio Oriente e Organizações Regionais – DAMOOR, manifestou alguma preocupação por constatar que as discussões em torno do UNISA já levam, aproximadamente 20 anos, sem a efectivação do projecto. Por outro lado, mostrou-se optimista quanto ao desfecho da referida reunião.

O encontro contou ainda com a presença dos Directores de Migração de Moçambique e da África do Sul, altos funcionários da SADC, do Serviço de Migração e Estrangeiros e do Ministério das Relações Exteriores.

PELA LEGALIDADE E PELA INTEGRIDADE

GABINETE DE COMUNICAÇÃO INSTITUCIONAL E IMPRENSA DO SME EM LUANDA, 26 de Novembro de 2019.

Partilhar
Tweetar